Depende do ponto de vista de quem vê I - Richard Williamson



Para você, o que está ilustrado nas imagens abaixo?






Para o Bispo Richard Williamson, que afirmou que o holocausto não existiu, ou que suas proporções foram exageradas, deve ser um spa 5 estrelas, com unidades em Bergen-Belsen, Buchenwald, Dachau e, claro, Auschiwitz I, Auschiwitz II (Birkenau) e Auschiwitz III (Monowitz), entre outras.



"Não acredito que as câmaras de gás tenham existido... acho que dois ou três mil judeus morreram nos campos de concentração nazistas... mas nenhum deles em câmaras de gás."

Bispo Richard Williamson


8 comentários:

Luciano A.Santos disse...

Os comentários abaixo foram postados originalmente usando o Intense Debate, que parou de funcionar em 18 de Maio de 2009, e foram reproduzidos aqui tal qual foram postados.

CrazyAngel disse...

Ridículo !!!!!!!!!!!!
O cara sabe menos do que os meus alunos de sexta e sétima série ou está de brincadeira, não é possível um cara assim ser Bispo !!!!!!!!!!!!!
Como ouvi algumas pessoas comentando...
"Deveriam reabrir Auschiwitz e testar as antigas câmaras de gás com ele!". ((risos))
Muito bom seu blog...apareça...
Beijo
Até...

Luciano A.Santos disse...

É mesmo ridículo tentar negar a existência dos campos de concentração e seus horrores, ainda mais quando um membro da Igreja o faz... Mas é importante lembrar que ele é membro de um grupo dissidente que não concorda com as políticas da Santa Sé, o que não justifica, é claro, seu erro.

erich disse...

Esse bispo está vivendo na época certa???
Será que ele não é cego e surdo não?
Pelamordedeus...é uma vergonha

Luciano A.Santos disse...

Pois é, o Richard Williamson não perderia nada em ter ficado calado...

Esduardo Rodrigues disse...

Ufa!! Finalmente apareceram as primeiras vozes para trazer luz às trevas!! Parabéns para o bispo que ousou falar a verdade quando o mundo inteiro está indo nas mentiras de judeus e norte americanos. Comecem por estudar o falso diário de Anne Frank, que conta a "lenda" de uma judiazinha morta nos campos de concentração!! Só que o diário foi escrito anos após o término da segunda guerra, pois, mais tarde ficou provado que o diário foi escrito com caneta BIC, inventada por Marcel Bich em 1950 e por aí vai o amontoado de mentiras mostradas na TV por judeus e americanos e monte de idiotas engolindo essas mentiras, um próprio judeu americano (David Cole) visitou os chamados campo de concentração na polônia onde ele mesmo constatou que era uma farsa, paredes foram demolidas par mostrarem as falsas camaas de gás. Se querem mais leiam o livro de Finkelstein (outro judeu norte americano) onde ele mostra como foi montado o holocausto, o livro se chama "A industria do holocausto". Foi escrito com a ajuda dos pais dele que eram judeus sobrevivente dos campos de prisioneiros na europa.

Luciano A.Santos disse...

Eduardo rodrigues, obrigado pelo comentário, e por expressar sua opinião.

Sem trocadilhos, as coisas agora ficaram intensas...

Luciano A.Santos disse...

PS: É sempre bom analisar a questão dos dois lados, já li "O Diário de Anne Frank", vou ler "A Indústria do Holocausto", acho que é preciso. Sabemos da história como foi contada pelo lado americano, mas será que sabemos de toda a história, ou da história 'exata'? Ou ainda: será que um dia saberemos realmente de toda a história??

Postar um comentário

Os comentários aqui publicados são de total responsabilidade de seu respectivo autor, e não representa, necessarimente, a opinião do blog Luciano A.Santos ,de seu autor, ou seus associados e/ou prestadores de serviços.

Nenhum comentário aqui publicado sofre qualquer tipo de edição e/ou manipulação, porém o autor do blog se reserva o direito de excluir todo e qualquer comentário que apresente temática ofensiva, palavras de baixo calão, e qualquer tipo de preconceito e/ou discriminação racial.